Fábrica própria SP/BRASIL

Polifitema – Movimentação de Cargas

Conheça os principais documentos fiscais para realização do transporte de cargas

 Trabalhar com transporte de cargas é algo que precisa de preparo, cuidado e muita atenção, pois qualquer que seja o erro cometido pode afetar pessoas de forma drástica. Para evitar que aconteçam acidentes, principalmente em relação a deslize e queda de carga, é necessário que o profissional saiba como fazer o depósito delas de forma segura.

Trabalhos considerados de risco como os feitos em altura, transporte de cargas e outros, precisam de autorização que seguem as normas de segurança e também precisam ser realizados por profissionais que tenham documentos fiscais para isso.

Qualquer empresa que trabalhe com transporte de cargas precisa estar ciente de quais são os documentos fiscais necessários para que façam a realização desse trabalho da forma correta e permitida.

Veja quais são esses documentos fiscais

 Antes de mostrar quais são esses documentos é importante citar que essa relação foi reformulada com o passar dos anos. Isso para que chegasse ao nível de confiabilidade que esse trabalho tem hoje.

Podemos garantir essa confiabilidade porque foram feitas revisões na legislação, os sistemas em si foram melhorados e os processos de informações foram simplificados em relação à consulta de frete e acompanhamento da carga.

Quais são esses documentos necessários?

 Nota fiscal eletrônica NF-e

 A nota fiscal eletrônica é um dos documentos fiscais mais importantes que devem sempre acompanhar as cargas, pois serve para registrar a venda, fazer a identificação do vendedor e também do comprador. Essa nota fiscal é enviada para a Receita Federal de forma eletrônica para questões de impostos e declarações.

É importante citar que a nota fiscal pode ser feita de forma eletrônica, mas a DANFE (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica) deve estar em mãos desde o momento que a carga sai da transportadora e, até mesmo, quando é entregue ao cliente.

Manifesto eletrônico de documentos fiscais

 Esse documento tem como objetivo principal simplificar todo o processo de transporte de cargas e deve ser usado apenas quando esse transporte for feito no mesmo veículo com vários produtos diferentes (que tenham várias notas fiscais). Esse documento ajuda a otimizar todo o processo do registro dos lotes, identificando essas cargas no trânsito.

O manifesto eletrônico de documentos fiscais é importante também por contar com seguro de responsabilidade civil do transportador rodoviário de carga (RCTR-C). Assim, caso aconteça algum acidente causado pelo transporte rodoviário, terá cobertura.

Eles fazem a cobertura de acidentes como:

  • Explosão
  • Incêndio
  • Colisão
  • Abalroamento
  • Tombamento
  • Capotagem

Conhecimento de transporte eletrônico

 Esse documento faz o registro do principal objetivo de prestação de serviço de movimentação de carga. Como o nome já diz, esse documento também é feito de forma eletrônica. Para empresas que contam com a sua frota própria é preciso credenciá-la na Secretaria da Fazenda do estado para então conseguirem o direito ao documento.

Equipamentos de segurança

Durante o processo de transporte de cargas é preciso utilizar equipamentos de segurança para que esse transporte seja feito de forma eficiente e sem riscos para ninguém durante o trajeto.

Por isso, para encontrar os melhores equipamentos, inclusive lingas de correntes, entre no site da Poliftema e veja todos os produtos que eles oferecem para sua segurança.

Clique aqui e veja no blog outras dicas importantes sobre trabalhos de risco.

Conheça os riscos trabalho em altura

Conheça mais os produtos da Polititema, oferecemos produtos para: Trabalho em Altura, Elevação de Carga, Amarração de carga


Deixe uma resposta