Fábrica própria SP/BRASIL

Polifitema – Movimentação de Cargas

Construção civil: como se prevenir de acidentes

Confira as principais dicas para não haver nenhum tipo de acidente na construção civil, e veja também a importância dos EPIs no trabalho em altura.

Todo o trabalho realizado acima de dois metros, e com risco de queda, é catalogado como sendo um trabalho em altura (segundo o MTE – Ministério do Trabalho e Emprego). Esse tipo de atividade pode estar presente em diversos setores, porém é mais comum na Construção Civil.

Trabalhos que envolvam montagem e desmontagem de estruturas, em andaimes e plataformas, ou pinturas de apartamentos também são outros trabalhos em altura que podem ser mencionados. E todos apresentam determinados riscos.

Como se prevenir de acidentes

Como uma medida para ampliar a segurança do trabalho em alturas, foi criada a NR 35 (Norma regulamentadora 35). Em vigor desde 2012, a norma estabelece os requisitos mínimos e ações de proteção para o empregado em seu ambiente de trabalho. Isso tudo para assegurar a saúde e integridade dos trabalhadores do setor.

A aplicação das orientações encontradas na NR 35 são de responsabilidade dos empregadores e também dos trabalhadores. Todos dentro da empresa devem segui-las.

Enquanto por um lado as empresas devem fornecer os EPIs, os funcionários podem, por sua vez, exercer o direito de recusa a um serviço que não esteja de acordo com as normas de segurança necessárias.

No decorrer do texto da norma é possível encontrar alguns pontos de destaque, tais como: a importância do treinamento, o planejamento e execução dos trabalhos em altura, os equipamentos de proteção e ancoragem necessários, assim como as devidas técnicas para casos de emergência e resgate.

Saiba mais: Riscos, penalidades e prevenção – Se aprofunde na prática do trabalho em altura

Confira as principais dicas para evitar acidentes na Construção Civil e qual a importância dos EPIs nesse processo:

Treinamento Constante:

A empresa deve fornecer treinamentos, práticos e teóricos, de tempos em tempos, para que os trabalhadores estejam capacidades a executar o trabalho em altura. Dessa forma, poderão entender com clareza os riscos envolvidos nesse tipo de trabalho e quais os cuidados que precisam ter.

Os cursos e treinamentos devem ser ministrados por instrutores que sejam especializados no assunto.

Além disso, as capacitações devem conter questões que envolvam normas aplicadas ao trabalho em altura no ramo da Construção Civil, condutas em situações de emergência, medidas de prevenção, forma de utilização dos EPIs e como realizar uma análise preliminar de riscos.

Análise Preliminar dos Riscos

A análise preliminar de risco (ou APR) detecta possíveis riscos de acidentes dentro de um ambiente de trabalho. Ela deve ser realizada preliminarmente, ou seja, antes da realização da tarefa.

Além de levar em consideração o constante risco de queda, é preciso ainda ter em conta a sinalização no local e também a presença de outros perigos, como explosão, condições meteorológicas, e a possibilidade de resgate.

Equipamentos de Proteção

A importância dos EPIs se dá devido o fator preventivo dentro da construção civil. São os equipamentos de proteção que evitam acidente dentro do canteiro de obras.

É importante que sejam adquiridos em loja de confiança e que também passem por atualização e substituição sempre que necessário.

Os EPIs para trabalho em altura podem ser encontrados na Polifitema, loja do segmento especializada em equipamentos de segurança para a construção civil.

Conheça mais os produtos da Polititema, oferecemos produtos para: Trabalho em Altura, Elevação de Carga, Amarração de carga


Deixe uma resposta