Fábrica própria SP/BRASIL

Polifitema – Movimentação de Cargas

Identifique os principais erros logísticos que sua indústria não pode cometer

Você já parou para avaliar detalhadamente os processos logísticos da sua empresa? Por meio de um levantamento crítico, saiba que é possível otimizar processos e reduzir significamente os custos com esse setor.

Para te ajudar a alcançar esse objetivo, apresentamos a seguir os erros que devem ser evitados na sua indústria e como é possível encontrar alternativas de melhorias. Confira:

Erro n°1: Não controlar corretamente a demanda do seu estoque

Um dos problemas mais comuns nas indústrias é a sobra ou falta de materiais no estoque em momentos cruciais.

Se uma série de artigos fica guardada por muitos meses, existe um custo elevado de manutenção do espaço e também uma dificuldade de substituição por produtos que de fato precisam ser utilizados na rotina da empresa.

Para evitar esse erro, torna-se essencial respeitar a sazonalidade, ou seja, as vendas realizadas em períodos como Natal, Dia dos Pais ou Páscoa, e também ficar sempre atento às principais tendências do mercado da sua área de atuação.

Além disso, faça comparações com o número de vendas dos produtos nos anos anteriores e procure trabalhar junto aos melhores fornecedores do mercado em termos de custo-benefício.

Erro n°2: Trabalhar com excesso de processos manuais

Se a sua indústria ainda não se abriu ao digital, é hora de rever os seus conceitos. E isso porque, geralmente, muitos papéis deixam os processos mais lentos e podem, até mesmo, impedir a equipe de ser totalmente precisa em seus levantamentos.

Dessa forma, softwares são mais seguros em relação a fraudes e erros e podem diminuir de maneira significativa o tempo de planejamento e monitoramento da logística de sua empresa.

Entre os programas que você pode usar na sua indústria, podemos destacar os sistemas de gerenciamento de transporte, os sistemas de gerenciamento de armazém e os sistemas de gestão empresarial.

Erro n°3: Não trabalhar com produtos e treinamento de qualidade

Com o objetivo de diminuir custos, muitos empresários podem cair na tentação de investir em produtos logísticos de má qualidade.

Além de colocar a segurança dos colaboradores em risco, esse tipo de atitude apenas atrasa ainda mais os processos e podem surtir no efeito contrário ao desejado pela indústria.

Um bom exemplo nesse contexto se refere ao transporte de cargas, ou seja, especificamente em equipamentos como linga de correntes, manilhas, ganchos, entre outros.

Vale ainda lembrar que outro ponto essencial diz respeito ao treinamento adequado dos funcionários. Além de contarem com os equipamentos obrigatórios para lidar com o transporte de cargas – como cintos, capacetes e botas especiais – eles devem aprender como se portar em situações de risco e como tomar as melhores decisões na rotina de trabalho.

Saiba mais: Treinamento adequado de um profissional recém-contratado

Por isso, se você percebeu que precisa realizar atualizações nos seus processos logísticos, entre em contato com a Polifitema e adquira todos os produtos necessários para que seu transporte de cargas seja realizado com segurança.

Além de contar com linga de correntes e ganchos, a empresa também oferece uma linha completa de equipamentos para trabalhos em altura.

Para conferir mais detalhes e dicas em nosso blog, clique aqui.

Saiba mais

Conheça mais os produtos da Polititema, oferecemos produtos para: Trabalho em Altura, Elevação de Carga, Amarração de carga


Deixe uma resposta