Fábrica própria SP/BRASIL

Polifitema – Movimentação de Cargas

Dicas de como cumprir a NR 35 em todos os pontos

Saiba como cumprir a NR 35 e qual a importância dos EPIs para garantir ao trabalhador a segurança que ele precisa.

Realizar trabalhos em situações de risco (como o trabalho em altura) exige atenção redobrada, tanto dos próprios trabalhadores quanto da empresa contratante.

Para garantir a segurança dos profissionais que trabalham em altura e evitar riscos, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) publicou a NR 35, cartilha de normas para trabalho em altura que estabelece todos os requisitos e as medidas de proteção para realização esse tipo de ofício.

Saiba mais: Evite os riscos que trabalhar em altura pode proporcionar.

A NR 35 envolve medidas de organização, planejamento e execução de obras, visando assegurar a saúde dos funcionários envolvidos com a atividade (direta ou indiretamente).

Existem alguns passos para otimizar e garantir que a NR 35 seja aplicada e cumprida em todo o trabalho em altura realizado pela empresa. Confira:

Dicas para colocar a NR 35 em prática

Para lidar com materiais frágeis:

O empregado que tiver que trabalhar sob plataformas em que os materiais são mais frágeis deve ficar atento e evitar qualquer peso extra, além de instalar pranchas para dar sustentação ao objeto e prevenir quedas.

Sempre leve em consideração o clima (no caso de local aberto). Se o tempo estiver fechado, não tenha dúvidas e suspenda a realização do trabalho.

Ventos fortes, chuvas e raios podem causar acidentes gravíssimos aos trabalhadores, por isso o trabalho nunca deve ser feito sob essas condições.

Considerar sempre o ambiente em que será feito o trabalho

Antes de o trabalhador subir de fato, ele deve considerar se o local é aberto, fechado, se há luz (natural ou artificial) suficiente, e até o solo é fator importante.

Também é indispensável a realização de uma PT e APT/ART e assegurar que todos os detalhes foram checados, pois a maioria dos acidentes acontece quando um dos cuidados não é tratado com seriedade.

Nunca perder a atenção ao solo

É fundamental ficar atento ao que acontece no solo. Por vezes o trabalhador está tão focando no trabalho em altura que esquece de checar se há outros trabalhadores circulando nos entornos do local.

Para garantir a segurança de todos, é fundamental fazer a sinalização correta. Ao realizar um trabalho em altura é preciso fechar a rota no solo e manter o tráfego de pessoas longe. Em todo o caso, as redes também podem ser usadas para proteger tanto o trabalhador que está no alto quanto os que estão no chão.

Lidar com trabalho em altura noturno requer atenção redobrada

É sempre altamente recomendado evitar a realização de trabalho em altura no período noturno, e dificilmente se exige este tipo de serviço durante a noite, porém existem alguns segmentos da indústria e construções que seguem prazos, e trabalhar a noite se faz necessário.

Nessas situações, é preciso garantir que o local esteja iluminado adequadamente e que os trabalhadores tenham visão total do ambiente em tais horários. A sinalização também é essencial.

Importância dos EPIs: Equipamentos são fundamentais

A importância dos EPIs é clara dentro de um campo de obras com trabalho em altura. São eles que garantem a segurança de todos os empregados e também dos materiais suspensos, de forma que tudo ocorra como o planejado.

As empresas são obrigadas a fornecer equipamentos de proteção individual a todos os funcionários, e para encontrar equipamentos atualizados, conte com a eficiência da Polifitema.

A Polifitema fornece diversos tipos de EPIs para trabalho em altura e movimentação de cargas, visando prover equipamentos seguros e atualizados, garantindo total segurança no campo de obras.

Clique aqui para conferir mais conteúdos sobre a importância dos EPIs e navegue pelo site para maiores informações.

Veja mais: Cinta de Poliester | Transporte de cargas pesadas | Fator de Queda

 

Conheça mais os produtos da Polititema, oferecemos produtos para: Trabalho em Altura, Elevação de Carga, Amarração de carga


Deixe uma resposta